R$ 804 reais LIBERADOS direto na conta dos NIS final: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, e 8: basta fazer ISSO para obter

O Governo Federal confirmou o pagamento de um benefício de R$ 804,00 para segurados do Bolsa Família. O valor é determinado não pelo Número de Identificação Social (NIS) do titular, mas pela quantidade de pessoas que residem no mesmo domicílio e são elegíveis para os benefícios adicionais.

É importante destacar que o Bolsa Família oferece uma gama de benefícios suplementares direcionados a famílias com gestantes, nutrizes (mulheres que amamentam), crianças e adolescentes até 18 anos. A seguir, estão os detalhes completos:

  • Benefício Primeira Infância (BPI): R$ 150,00 destinados a famílias com crianças de 0 a 6 anos completos;
  • Benefício Variável Familiar (BVF): R$ 50,00 destinados a famílias com crianças e adolescentes de 7 a 18 anos incompletos, além de gestantes;
  • Benefício Variável Familiar Nutriz (BVN): R$ 50,00 destinados a famílias com mulheres que estão amamentando crianças de até 6 meses.

Para alcançar o montante de R$ 800,00, a família deve receber uma parcela regular de R$ 600,00 e um adicional de R$ 200,00. Dado que os benefícios adicionais são cumulativos e ilimitados, podem ser pagos simultaneamente, contribuindo para o aumento do valor da parcela regular.

Parcela Regular do Bolsa Família por NIS

A parcela regular do Bolsa Família assegura um repasse mínimo de R$ 600,00 para famílias com até 4 pessoas. Contudo, o valor aumenta conforme a composição familiar, seguindo a soma de R$ 142,00 por indivíduo adicional. Veja a tabela de valores correspondentes:

  • Famílias compostas por até 4 pessoas: R$ 600,00;
  • Famílias compostas por 5 pessoas: R$ 710,00;
  • Famílias compostas por 6 pessoas: R$ 852,00;
  • Famílias compostas por 7 pessoas: R$ 994,00;
  • Famílias compostas por 8 pessoas: R$ 1.136,00;
  • Famílias compostas por 9 pessoas: R$ 1.278,00;
  • Famílias compostas por 10 pessoas: R$ 1.420,00.

Esses valores garantem que o benefício do Bolsa Família seja proporcional ao tamanho da família beneficiária, proporcionando um suporte financeiro adequado de acordo com suas necessidades.

Calendário do Bolsa Família de junho 

O pagamento do Bolsa Família segue o calendário estabelecido pela Caixa Econômica Federal (CEF), que define datas escalonadas conforme o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário. Abaixo estão todas as datas correspondentes:

  • NIS com final 1: 17 de junho (antecipado para sábado, dia 15)
  • NIS com final 2: 18 de junho
  • NIS com final 3: 19 de junho
  • NIS com final 4: 20 de junho
  • NIS com final 5: 21 de junho
  • NIS com final 6: 24 de junho (antecipado para sábado, dia 22)
  • NIS com final 7: 25 de junho
  • NIS com final 8: 26 de junho
  • NIS com final 9: 27 de junho
  • NIS com final 0: 28 de junho

Essas datas asseguram a organização e o pagamento pontual dos benefícios do Bolsa Família, conforme o cronograma estabelecido pela instituição responsável.

Como saber de valores extras na conta?

Para saber se houve algum valor extra depositado na sua conta do Bolsa Família, você pode seguir os passos abaixo:

  1. Acesso ao Calendário de Pagamentos: Verifique o calendário de pagamentos do Bolsa Família, que é divulgado mensalmente pelo Governo Federal. Esse calendário informa as datas de pagamento de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário.
  2. Consulta ao Extrato Bancário: Acesse o aplicativo ou o site do banco onde você recebe o benefício do Bolsa Família. Verifique o extrato bancário para visualizar todos os depósitos recebidos, incluindo os valores regulares e quaisquer valores extras que possam ter sido creditados.
  3. Comunicação do Governo: Fique atento às comunicações do Governo Federal por meio de canais oficiais, como o site do Ministério da Cidadania ou por meio de mensagens no aplicativo do Bolsa Família, caso haja informações sobre pagamentos adicionais, bonificações ou outros benefícios extraordinários.
  4. Atendimento ao Beneficiário: Se tiver dúvidas específicas ou não conseguir acessar as informações necessárias, entre em contato com a central de atendimento do Bolsa Família pelo telefone 0800 707 2003. Eles podem fornecer suporte e esclarecer qualquer questão relacionada aos pagamentos do benefício.
  5. Consulta Presencial: Se preferir, você também pode consultar pessoalmente em um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou na agência da Caixa Econômica Federal mais próxima, onde normalmente são realizados os pagamentos do Bolsa Família.

Seguindo essas orientações, você poderá verificar se houve algum valor extra creditado na sua conta do Bolsa Família e entender melhor a origem desses créditos, se houver.

Vitória Tormen

Natural de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, sou uma profissional comprometida com o desenvolvimento de conteúdos e a criação de posts otimizados para o Google News e Discover. Possuo uma vasta experiência em SEO técnico e SEO de conteúdo, garantindo que o material… Mais »