Pagamento de R$ 8.092 para IDOSOS do INSS de 60, 61, 62, 63, 64, 65 anos para cima já foi confirmado HOJE (05/07); Veja os detalhes

De acordo com uma pesquisa da Genial Investimentos, há uma expectativa de que em 2025 o teto das aposentadorias pelo INSS alcance R$ 8.092,54, enquanto o piso mínimo pode chegar a R$ 1.508,66.

Esses valores representam um aumento em relação aos de 2024, refletindo os esforços para combater a inflação e proteger a renda dos beneficiários.

Previdência Social Aposentadoria INSS

Aposentados Podem Passar Aperto Mesmo Com Aumento da APOSENTADORIA

O reajuste anual das aposentadorias pelo INSS é baseado na variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), divulgado pelo IBGE. Esse índice reflete a média da inflação para famílias com renda de 1 a 5 salários mínimos, considerando despesas essenciais como transporte, alimentação e medicamentos.

O objetivo é garantir a correção monetária e um aumento real que preserve o poder de compra dos beneficiários. No entanto, o Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos da Força Sindical (Sindinapi) alerta que os novos valores ainda não serão suficientes para acompanhar plenamente a variação de preços no país.

Esse cenário destaca a importância de políticas econômicas e sociais que não só ajustem os benefícios conforme a inflação, mas também considerem medidas adicionais para proteger a qualidade de vida dos aposentados brasileiros.

Qual a Opinião dos Aposentados Sobre o Reajuste?

A atualização anual dos benefícios do INSS afeta de maneira diferente os valores recebidos por quem ganha o mínimo e quem recebe mais. Desde 2023, os reajustes têm sido mais favoráveis para quem ganha perto do salário mínimo, pois consideram tanto a inflação quanto o crescimento econômico dos anos anteriores.

Por outro lado, quem recebe mais do que o mínimo só tem o reajuste baseado na inflação do ano anterior, sem considerar o crescimento econômico. Devido a isso, muitos aposentados e pensionistas criticam a forma como os reajustes são feitos e pedem uma maneira mais justa de calcular.

Há um projeto de lei que sugere aumentar as aposentadorias e pensões do INSS em 5% a cada 5 anos. Enquanto isso, os aposentados que precisam de mais dinheiro podem recorrer ao Empréstimo Consignado para aumentar sua renda ou realizar seus planos.

Como Consultar os Benefícios do INSS?

A consulta de situação de benefício é uma maneira prática de acompanhar o processo de aprovação dos benefícios solicitados ao INSS, inclusive o aumento das aposentadorias.

Para fazer essa consulta, não é necessário ter o número do benefício em mãos. Basta acessar o site do Meu INSS com seu CPF e a senha cadastrada na conta Gov.br. Após fazer login, procure pela opção “meus benefícios”. Clicando nessa opção, você verá uma lista dos benefícios solicitados. Ao clicar em um deles, você pode verificar em que etapa ele está.

É importante consultar o benefício sempre que precisar de informações como extrato, data de pagamento, agendamento de perícia médica ou para solicitar empréstimo consignado, caso seu benefício esteja ativo e você tenha margem consignável disponível.

William Tormen

Ao longo da minha trajetória profissional, me dediquei à especialização em conteúdo para Google News e Discover, acumulando mais de 18 anos de experiência nesse segmento. Na minha jornada, ascendi à posição de CEO de uma Agência Digital e me tornei sócio em outras agências,… Mais »